Aplicações offshore de óleo e gás

  • Visão geral
  • Produtos relacionados
  • Aplicações relacionadas

Confiável e seguro

Com quase 30% da produção global de petróleo bruto, as atividades offshore de óleo e gás são alguns dos ambientes operacionais mais severos do planeta. 

Perfurar em águas com até 3.000 metros de profundidade requer equipamentos confiáveis e seguros para maximizar a produtividade operacional e evitar paradas inesperadas.

A Danfoss entende que apenas os melhores atuarão em equipamentos de petróleo e gás offshore, e estamos aqui para ajudá-lo com suas necessidades mais exigentes.  Não permitiremos que as certificações exigidas para os produtos sejam uma barreira para ajudá-lo a desenvolver a melhor solução para seus equipamentos.  Podemos fornecer certificações da atmosferas explosivas, incluindo ATEX, IECEX e outras, para muitos de nossos produtos.  Certificações offshore da ABS, DNV e muitas outras também estão disponíveis. 

Independentemente de você estar projetando guindastes AHC, guinchos de amarração ou propulsores de proa, a Danfoss pode ajudá-lo a projetar um circuito hidráulico otimizado para realizar o trabalho exigido, e oferece soluções flexíveis de software e controle para permitir a melhor experiência do operador. Nossa bomba e motor H1 permitirão que você levante as cargas pesadas; as válvulas PVG garantirão a melhor precisão de operação possível, com a capacidade de monitorar ativamente as falhas de controle, e nosso sistema de controle Plus+1 oferece a melhor flexibilidade de software.

Produtos relacionados

Aplicações relacionadas

  • if (isSmallPicture) { Aplicações onshore de óleo e gás } else if (isBigColumns) { Aplicações onshore de óleo e gás } else { Aplicações onshore de óleo e gás }
    Aplicações onshore de óleo e gás

    Como a maior parte da produção mundial de petróleo, as atividades onshore de óleo e gás exigem uma grande flexibilidade e modularidade. Com uma variedade de tipos de reservas de petróleo e, normalmente, um número muito maior de poços de petróleo por reserva do que o offshore, os equipamentos onshore precisam ser flexíveis e robustos.